Leitura Contemporânea

Em um espaço com esquadria quadriculada do piso ao teto avistando as copas das árvores na Casa Modernista da Rua da Bahia, projetada por Gregori Warchavchik, Juliana imaginou um ambiente de leitura contemporânea. Com o tapete cobrindo todas as superfícies, com exceção do teto que ganhou um desenho em gesso, fez uma referência ao Modernismo com o uso de carpetes para além do chão e criou a ambiência a partir da paleta de cores em tons de rosa e goiaba.

A peça principal é a mesa Cerberino, desenhada no final da déc de 1980 pelo pop star da arte contemporânea Maurizio Cattelan.

Outras peças de destaque são o Pufe Panda e o Espelho Sushi dos irmãos Campana, e o raro buffet de Sergio Rodrigues.

A cadeira planos, de autoria da arquiteta, recebeu nova versão, em madeira maciça. Também desenhadas por ela, as estantes em aço inox em duas versões são estruturadas no piso e no teto e ladeiam a obra da artista Juliana Stein.